Quarta-feira, 27 de Dezembro de 2006

Pensamentos repetidos

" Eu já não sei se sei o que é sentir", quem é que ainda não ouviu esta frase?! pertence á música "fácil de entender" dos the gift.

Esta frase hoje mais do que nunca faz muito sentido...

Já estou farta de não sentir as coisas como puras, devido á minha constante evocação a pensamentos repetidos...sempre os mesmos pensamentos, sempre o mesmo sofrimento...sempre igual...As minhas emoções já estão gastas só por si.

Era tão "bom" quando não gostava de ninguém, era tão bom quando não me preocupava com o que os outros iriam pensar. Porque na realidade se não gostamos não temos de ser perfeitos, nem temos de nos preocupar sobre o que pensam sobre o nosso passado, o nosso presente e as nossas prespectivas de futuro.

É " chato" ser mau e igoista , mas por muito rude que pareça acaba por ser compensador, porque por pior que façamos não temos medo de desiludir ninguém, pois assim como assim já pensariam o pior de nós...irão sempre dizer " não me surpreende, já estava á espera", e ainda bem que já estavam, poupam-nos o sofrimento de termos de dar explicações.

P.s-  este texto foi escrito apenas pela necessidade de exorcisar os meus pensamentos repetidos.


publicado por clavedelua às 22:44
link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De Daniel a 28 de Dezembro de 2006 às 00:41
Amor mais uma vez adorei o texto, adorei a forma como exteriorizas o que sentes. Mas....Será que existe alguém que não se preocupe com aquilo que os outros pensam de si? Que não fique a "remoer" por causa de alguma coisa pela qual se tenha arrependido, que seja passível de alguém nos poder apontar o dedo? É claro que se esse alguém nos for indiferente, tanto faz. Se a desiludirmos, não faz mal. Mas é aí que está a beleza de ter pessoas de quem gostamos, e pessoas que gostam de nós. Porque se é verdade que é mau quando erramos perante pessoas que gostamos (o que é normal porque não somos perfeitos, é a condição humana), também é verdade que quando as surpreendemos pela positiva, o orgulho que essas mesmas pessoas sentirão por nós irá fazer-nos sentir realizados. Se essas pessoas de quem gostamos não existissem, isto não metia piada nenhuma nem nos dava motivação.
Amo-te meu amor. Beijão! ès Linda!!!!!


De Mara a 28 de Dezembro de 2006 às 13:49
antes de mais desculpa mas n consegui cá passar ontem!
são cada vez mais repetidos os pensamentos que me assombram... pensamentos esses que se pudesse deitava fora... trancava numa caixa e enterrava num jardim algures longe daqui!
ando com os humores com um registo semelhante ao grafico de um electroencefelograma devido a esses pensamentos que se repetem e insistem em me afundar... em me encher a cabeça de m*****
secalahr era tudo mais fácil se não tivesse alguém a meu lado a quem tento agradar e não desiludir tenod de fingir que está tudo bem quando na realidade não está!seclahr era bem mais fácil não o tendo do meu lado a dizer que não me posso deixar levar porque isso só me faz levar mais ainda... secalhar era mais fácil não ter de fazer coisas que não tenho cabeça apenas para o ver sorrir!... mas secalahr também não ia conseguir aguentar... secalhar n tinha esta luz ao fundo do tunel... secalhar não tinha ninguém que me fizesse sorrir apesar de tudo!
por isso te digo: se descubriresuma forma de controlar a tua mente informa-me urgentemente antes que dê em doida lol...

"para o que der e vier eu estou aqui"

jokasssssssssss
gustei de a ver


De Ju a 28 de Dezembro de 2006 às 21:48
Este texto fez-me lembrar um pensamento que tenho tido com cada vez mais frequência, que tem sido cada vez mais recorrente: penso no quanto era bom poder voltar à infância quando ainda conseguíamos sentir as coisas como puras. Só agora vejo o que perdi, aquilo que não soube valorizar. Todos os pensamentos de hoje em dia têm um juízo, um pré-julgamento subjacente. É normal, é comum a todos nós. É o facto de nos preocuparmos com os outros que faz de nós pessoas melhores. É essa capacidade de amar, de ver alguém feliz. Mas ninguém é perfeito. A perfeição é uma utopia. Basta tentares ser tu... com as boas e também as más coisas...isso basta.
Dorut


De Anónimo a 30 de Dezembro de 2006 às 18:05
Sei k por vzs é difícil, ms ñ tens k t preocupar c o k os otos pensam, pois independente d k sj, tu és uma pessoa fantástica em tds os sentidos! Única e mt especial!
DORUTUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU


De Carolina a 30 de Dezembro de 2006 às 18:07
^ o coment em cima feito é meu.... eskeci-m d escrever o nome :S


De Anónimo a 12 de Março de 2007 às 11:33
Mais uma vez adorei o tezxto cm n podia deixar d sr... adoro a forma c escreves e inditifico-me smp c o k dizes...
E bom terms mts pessoas a nossa volta k gostam mt d nos m o peso d errar é mt grande...sentes uma grande responsabilidade em cima d ti e nem smp em facil n desiludirms alguem ne?
m n te preocupes k tu conosco n tens esse problem pk es perfeita mnh ovelhinha :p lol
bjs mt grandes


De Marta a 12 de Março de 2007 às 11:34
O post k ta em cima é meu lol
Bjinhos bom :p
Marta


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. ...

. A minha Boca

. Os nossos passos II

. Os nossos passos

. Momentos

. Sonho

. Amo-te

. punhais

. Pesadelo

. Liberdade

.arquivos

. Novembro 2010

. Abril 2009

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds