Sábado, 30 de Setembro de 2006

reflexo de enganos

 

Sou uma estranha de mim própria, se hoje me olhasse pela primeira vez ao espelho, não reconheceria nenhum gesto como sendo meu...Há muitas máscaras que fazemos mas são ainda mais as que a vida nos coloca...Nunca ninguém vê a pureza na dureza dos meus gestos nem veem aquela lágrima escondida dentro dos meus olhos...Há dias assim, dias como este em que ninguém vê nada de nós.

Será que deixei de me ver?! Será que todos não brincamos aos sonhos e aos castelos no ar só por ter medo de enfrentar o amanhã?!...Anoiteceu...E nem no escuro me defino...Acho que somos todos assim sonhos do que quizemos, e sombra do que deviamos ser.


publicado por clavedelua às 18:16
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Domingo, 24 de Setembro de 2006

voo de fadas

 

 

 

As fadas já não moram em mim, foram-se como o tempo, as pessoas, os amigos e inimigos que passaram...tiveram de ir-se embora porque eu já não as deixava voar, tinha medo de as perder...E mesmo assim perdi-as, como se perde tudo o que se tem algum dia.Não pude evitar, era o destino delas voarem...não se pode contrariar o destino nem passar por ele de olhos e ouvidos tapados, os ciclos são para serem cumpridos.

 

As fadas já não moram em mim mas já não choro, agora sorriu por saber que é o voo que as torna felizes...Por isso sempre que alguma se perde e vem ter comigo já não a prendo, consolo-a e encorajo-a a voar...


publicado por clavedelua às 17:12
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
Quinta-feira, 21 de Setembro de 2006

lugar encantado

Lugar encantado...É um lugar onde todos vivem e ninguém sente, é o lugar em que estou eu e o que resta de mim...Lugar de sonhos, de ilusões preversas e de palavras que ficaram por dizer por demais terem sido ditas. É um lugar como a lua,lindo, misterioso e indespensável...Lugar de descanço quando o tempo se torna pesado e o silêncio dói, lugar das esperanças e das desilusões.

É por isso que chamo ao meu mundo um lugar encantado, porque é nele que vivo e morro todos os dias, e porque é nele que vejo quem amo e quem adoro e por ele luto, por esse mundo que mesmo não tendo importância para ninguém, tem para mim...porque sou eu...porque existo


publicado por clavedelua às 01:12
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. ...

. A minha Boca

. Os nossos passos II

. Os nossos passos

. Momentos

. Sonho

. Amo-te

. punhais

. Pesadelo

. Liberdade

.arquivos

. Novembro 2010

. Abril 2009

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds